domingo, 9 de novembro de 2008

Leila Diniz



A carioca mais polêmica do século passado desafiou convenções e valores morais em plena ditadura militar.
Era uma mulher à frente de seu tempo, ousada e que detestava convenções. Leila Diniz quebrou tabus de uma época em que a repressão dominava o Brasil, escandalizou ao exibir a sua gravidez de biquini na praia.
Morreu num acidente aéreo, vôo JAL471, da Japan Airlines, no dia 14 de junho de 1972, aos 27 anos, no auge da fama, quando voltava de uma viagem feita para a Austrália.

"Toda mulher quer ser amada

Toda mulher quer ser feliz

Toda mulher se faz de coitada

Toda mulher é meio Leila Diniz"

[RITA LEE]

Nenhum comentário: